Pular para o conteúdo principal

Vou fazer faculdade



Então, o menino tímido dos ombros curvados, de barba e de camisa polo, vai entrar no curso de Sistemas de Informação.

Estou um pouco aflito, confesso. Estou pedindo a Deus para que eu tenha alguma amizade na faculdade. Passar quatro anos em um "cada um por si" deve ser muito ruim. Enfim, só vou saber na hora. E, a Uniplac me dá ataques de timidez, é sério. Tem pessoas lá. E são jovens, universitários e descolados. Brrr! Que coisa, não?

E, sim, estou com o coração na mão, pois precisarei me afastar da igreja às segundas e quartas, onde faço parte da banda na congregação do Novo Milênio. Tive que escolher entre razão e emoção. Enfim, eu pedi muita confirmação de Deus nisto também e acredito estar certo. Vou em paz. Mas isso não quer dizer que eu não esteja um pouco reflexivo por não poder dar continuidade no trabalho que estou fazendo -- pela misericórdia de Deus -- na igreja. Pelo menos, não como gostaria.

E também tenho me preparado psicologicamente para pagar mensalidade, assistir aulas chatas sem dormir, passar fome e perder muito sono indo dormir tarde, fazer trabalhos extensos de madrugada, gastar muito dinheiro com gasolina (ou cansar um pouco mais aguardando e andando de ônibus, que seria uma solução menos cara), entre outras coisas. Mas ainda acho que vai ser bom. Espero...

Ah, é, tem mensalidade. Bem, mas tem bolsa. A bolsa da Prefa que ainda vou pedir o ano que vem. Espero que dê tudo certo. Mas não estou confuso não, pois tenho uma posição bem firme sobre decisões que tenho que tomar na vida, pedindo duas coisas para Deus: que Ele faça somente a vontade dele, de acordo com o propósito que Ele tem na minha vida; e que me dê sabedoria para aceitar isto.



Enfim, me sinto bem. Quem sabe daqui a quatro aninhos, vou poder ser chamado de bacharel em sistemas. Pensando bem, grande coisa.

Comentários

  1. como assim: "tem pessoas lá" kkkkkk, vai dar td certo mano, se entrega nas mãos de Deus e o sucesso virá. :D

    ResponderExcluir
  2. Vou fazer uma citação:
    "People... Bunch of bastards!"
    Na linha de baixo, da metade para a direita, "Maurice Moss".
    Mas obrigado pela força!
    Forte abraço, Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, podi crê. minha citação: "I didn't, I didn't, I didn't HAAAAAAAAAAA!!!!" na linha de baixo, da metade para a direita: "Jen". kkkkk

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha do livro O Peregrino

John Bunyan, autor de “O Peregrino” (“The Pilgrim Progress”), nascido na Inglaterra Central em uma família de funileiros, viveu uma época de intensas discussões acerca do Cristianismo, devido a reforma protestante. Em 1675, preso em uma cela por conduzir cultos sem autorização, escreveu este livro, que é considerado o segundo livro mais vendido no ocidente, sendo o primeiro a Bíblia Sagrada.

Segundo o autor, através de sonhos lhe foi revelada esta narrativa, a qual testifica ser revelada por Deus. Em uma liguagem bastante simples, o livro conta a história de Cristão. Este homem, vestido de trapos e carregando um enorme fardo, o qual adquiriu através da leitura de um livro (referência à Bíblia), decide iniciar uma longa viagem rumo à Cidade Celestial, com o objetivo de salvar-se do julgamento e da destruição que estariam por vir em sua cidade, a Cidade da Destruição.

Durante sua jornada, Cristão passa por muitos caminhos difíceis, como o Pântano da Desconfiança, o Desfiladeiro da Dificul…

Correio Lageano andou assistindo meu poop video do João Amorim

Estava fazendo uma pesquisa para ver se meu primeiro e único poop no Youtube estava famoso mesmo. O vídeo se chama YTPBR João Amorim - Jango Bocha. Só que o nome do filme original é Jango Bravo.
Qual não foi minha surpresa, quando encontro, entre os resultados, uma página que faz uma espécie de homenagem ao mestre do cinema regional, e, na filmografia do cineasta, o filme "Jango Bocha". Só que este é o nome do meu vídeo, não o filme original (que se chama Jango Bravo). Hahahaha... Que massa.

Não haveria outra forma deles se confundirem. Com certeza andaram vendo meu vídeo...

Parece que o meu vídeo está ficando famoso. Além de que, já alguns fãs e poopers pediram para eu postar o filme original algumas vezes.

Obs.: O poop não ficou bom. Enfim, só existe este com este filme.



Matéria do CL (por Suzani Rovaris): http://www.clmais.com.br/variedades/64224/lenda-do-cinema-catarinense-transforma-cotidiano-em-filme



Bem, como eu já havia dito uma vez, Youtube Poop é cultura!

Minha querida mesa de trabalho

Oh, até que é chique, tem até dois monitores 8-)


Minha mesa de ensino, meu computador educacional, e tem algumas ferramentas pedagógicas com as quais eu faço a manutenção didática dos computadores instrutivos.